Michelle Palma – uma história de amor com a interpretação, dança e a escrita

Michelle Palma – uma história de amor com a interpretação, dança e a escrita.
Michelle Palma, divide seu tempo entre a atuação; a dança – como dançarina e coreógrafa, e a escrita de poemas e roteiros. Alguns de seus poemas foram publicados na Coluna de Arte do Jornal Tribuna Liberal, da cidade e Sumaré e também no livro ‘Dez Poetas e Eu’, da Editora Carmo. Contribuiu no roteiro do curta metragem ‘Bailarinas Não Quebram’, no qual também atuou, sob a direção de Rogério Xantere.
Em constante processo de aprendizagem, Michelle, estudou diversas modalidades de danças; fez cursos de escrita criativa; teatro e interpretação para tv e cinema pela Recriarte Actor School, entre outros.

Como atriz, participou
de produções publicitária e para televisão. Michelle traz em sua trajetória a vivência dos palcos, em especial cita as peças ‘Camino Real’, de Tennessee Williams e, ‘Boca De Ouro’ de Nelson Rodrigues. Ela marcou presença na sétima arte, tendo participado de diversos filmes, com destaque para o longa ‘Pecado Vermelho’ – Faro Rio produções, onde interpreta a Entidade Maria Quitéria e Cibele, uma garota de programa.
“Estou desde o início no projeto ‘Pecado Vermelho’. Acreditei nele com todo o meu coração. Inclusive, tive uma experiência espiritual com as entidades tocando minha cabeça e me dando consentimento para estar no filme. Atuar nesse longa foi um presente para a minha carreira”
Sem dar muitos detalhes, Michelle Palma, conta que está escrevendo um roteiro para seriado e um outro – longa para um streaming. A atriz também aguarda o start da produção do longa ‘Obscuro, um caminho sem volta’, que está em fase de captação.
 
%d bloggers like this: